Acompanhe aqui os números da COVID-19 em Jacareí

Campanha contra a poliomielite vai de 8 de agosto a 9 de setembro

Para garantir a cobertura vacinal ideal. Quando se tem uma taxa baixa de cobertura vacinal, as doenças, que são consideradas quase que erradicadas, começam a surgir novamente. A POLIO é uma doença grave que pode acometer uma geração com sequelas inestimáveis e que são completamente evitáveis. A PÓLIO é uma doença grave, não tem cura, ainda não foi erradicada, pode ser prevenida com a vacina, pode voltar com muita gravidade (já temos muitos casos aparecendo pelo mundo.

Frente a tantos acontecimento que permeiam o mundo, a taxa de vacinação da PÓLIO está muito baixa e, com isso, corremos o sério risco de a Pólio voltar. É necessário muita atenção e cuidado dos pais e responsáveis. Veja tipos:

  1.  Vacina com vírus vivo atenuado, aplicada via oral (conhecida como Sabin) e
  2. Vacina inativada, aplicada intramuscular (conhecida como Salk).
  3. A imunização contra a poliomielite deve ser iniciada a partir dos 2 meses de vida, com mais duas doses aos 4 e 6 meses, além dos reforços entre 15 e 18 meses e aos 5 anos de idade.
  4. VIP – Na rotina de vacinação infantil: aos 2, 4 e 6 meses, com reforços entre 15 e 18 meses e entre 4 e 5 anos de idade. Na rede pública as doses, a partir de um ano de idade, são feitas com VOP.
  5. VOP – Na rotina de vacinação infantil nas Unidades Básicas de Saúde, é aplicada nas doses de reforço dos 15 meses e dos 4 anos de idade e em campanhas de vacinação para crianças de 1 a 4 anos.
  6. A maioria dos adultos de 18 anos ou mais não precisa tomar a vacina contra poliomielite porque já foram vacinados quando crianças. Mas alguns adultos têm risco maior e devem pensar em se vacinar contra a poliomielite: as pessoas que viajam para áreas do mundo em que a poliomielite é comum.

A PÓLIO é uma doença grave, não tem cura, ainda não foi erradicada, pode ser prevenida com a vacina e pode voltar com muita gravidade (já temos muitos casos aparecendo pelo mundo)

A Campanha da do Ministério público vai de 08/08 a 09/09 é uma campanha motivacional e tem a finalidade de completar o calendário vacinal de crianças e de adolescentes sendo oferecidas todas as vacinas que constam no calendário de crianças e de adolescentes. A ênfase maior está na vacinação contra a PÓLIO, exatamente pelo alto risco que o mundo está sendo exposto das baixas taxas de vacinação.

Além do dia D contra a pólio, pode vacinar qualquer dia – procure o posto de saúde mais próximo e não esqueça de levar a carteirinha!

Deixe uma resposta

Top
WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: